terça-feira, 22 de setembro de 2009

Amor sem sentido

Tudo começou em alguma escola, em algum lugar do Brasil.
Era uma menina tímida, estranha e que não falava com ninguém. Ela se chamava Júlia.
Era um menino tímido, estranho e que não falava com ninguém, como a menina. Ele se chamava Felipe.
Eles nunca tinham se visto, mas suas salas de aula eram vizinhas.
Num belo dia (não tão belo assim), teve uma uma apresentação no colégio deles, então Júlia começou a se sentir atraída por Felipe, as vezes ela olhava para ele e ele retribuía seu olhar. Então começou um evento na escola deles, todos participaram, Júlia e Felipe também.
Em um dia para concluir o evento, tiveram que viajar para algum lugar por perto, era pouco tempo até chegar lá.
Quando chegaram, eles ainda não sabiam que iam se ver lá. Júlia foi para um lado e Felipe para outro. No meio da tarde, Júlia comentou com sua amiga que o jeito de Felipe a atraía, e quando ela saiu de perto a sua amiga foi correndo contar para Felipe e ele imediatamente mandou dizer que queria ficar com Júlia. Então a amiga de Júlia perguntou a ela se ela queria, mas Júlia não tinha certeza, pois ela só achava Felipe a atraía, nada anormal para uma garota da sua idade ( ela tinha 13 anos). Mas sua amiga praticamente a obrigou a ficar com Felipe e ela acabou não resistindo. Mas tinha um problema que ambos tinham. Timidez. Sim, eles precisaram de uma grande ajuda, digamos de umas 5 ou 6 pessoas para rolar alguma coisa. É, isso foi extremamente vergonhoso para eles. Mas enfim, foi um dia lindo e que eles passaram bastante tempo juntos.
Mas depois daquele dia ele nunca mais falou com Júlia e nem Júlia teve coragem de falar com ele. Nos primeiros dias até trocavam olhares, mas hoje ninguém sabe se essa historia vai continuar ou vai ficar sem sentido como está agora.

kisses :*

Nenhum comentário: