terça-feira, 2 de março de 2010

Sentimento.

Estava ali, ao seu lado, sem saber o que falar. A vontade que eu tinha era gritar pra todo mundo ouvir que eu o amava e que o que eu mais desejava era ter ele só para mim. Mas não, não fiz isso. Seria mais um risco de me magoar, de ser rejeitada como tantas outras vezes.
Minha amiga falava, insistia para eu conversar com ele, mas as palavras fugiam de mim, meu pensamento parava e eu entrava em desespero.  Não sabia se era amor, não sabia se era ao menos paixão. Mas tudo mudava quando ele estava perto, tudo ficava melhor, eu me sentia bem.
Tinha momentos em que eu desejava nunca ter me apaixonado. Desejava nunca saber da sua existência.  Mas quando eu o via tudo mudava de cor, a vontade de sumir desaparecia e a esperança tomava conta de mim.
Mas eu só queria ter ele ao meu lado, nada mais.

2 comentários:

Patriny Marcelle disse...

Se eu fosse você falava com ele. Já que parece que gosta tanto dele assim, é melhor ir logo antes que você perceba que o tarde demais chegou.
Beijinhos

Ana Frazani disse...

Acho que a melhor coisa msm é saber a opinião dele,o que ele acha sobre o assunto e se ele gosta de você tanto quanto vc gosta dele.Os dois deveriam abrir o jogo um pro outro.